Literatura infantil: confira 5 dicas de como trabalhar em sala de aula

Separamos algumas dicas que podem ajudar você professor(a) a desenvolver ainda mais a literatura infantil na sala de aula

Publicado no dia 1 de setembro de 2017

Quem vê um professor coordenando uma aula nem imagina a dificuldade por trás de todo o planejamento que é feito previamente. Já imaginou quantas pesquisas são necessárias para se construir um dia de ensino? Muitas! A arte de absorver o conhecimento pode ser fácil para alguns e um pouco mais trabalhosa para outros, e é aí onde entra a missão dos professores, de tornar o conhecimento acessível para todos. E esse processo tem início lá trás, na hora de inserir o conhecimento para as crianças, e isso é feito através de muitas etapas, como o da inserção da literatura infantil no mundo dos pequenos.

foto de professora lendo para as crianças

O professor é a peça principal na construção do aprendizado. Na foto, o momento de contação de histórias (Foto: monkeybusiness / Depositphotos).

 

O professor é a peça principal na construção do aprendizado. Pensando nisso, separamos algumas dicas que podem ajudar você, professor(a) a desenvolver ainda mais a literatura infantil na sala de aula. Confira a lista e comente no post quais são as atividades que você mais gosta de aplicar em sala.

 

1- Linguagem teatral

Na foto uma ilustração das crianças em uma peça de teatro

A linguagem teatral é um facilitador no ato de contar histórias (Foto: freepik).

 

Muitos estudos associam o uso da linguagem teatral como um facilitador no ato de contar histórias. Essa é uma excelente forma de expandir o universo da criança, fazendo com que ela seja capaz de desenvolver a sua linguagem não verbal, ampliando a sua consciência e aumentando sua capacidade de se comunicar com as pessoas ao seu redor. Essa fórmula é indicada para ser trabalhada com crianças pequenas, em creches e pré-escolas.

 

2- O toque

Na foto, uma mãe repassa para a criança o amor pelos livros

Explorar a parte tátil do livro, faz com que as crianças criem um vínculo com a literatura infantil (Foto: pressfoto / Freepik).

 

Esse processo é de extrema importância principalmente para crianças pequenas, porque faz com eles explorem a parte tátil do livro. É através desse contato direto que eles irão criar um vínculo com a literatura. Então quanto mais as obras forem exploradas através de suas texturas, jogo de cores e ilustrações mais fácil será todo o processo de familiarização com a literatura infantil.

 

3- Músicas

Na foto várias notas musicais

É muito comum que autores utilizem em suas obras personagens cantores ou que toquem instrumentos musicais a fim de chamar a atenção dos seus leitores. (Foto: kjpargeter / Freepik).

 

Outro recurso é a utilização de músicas que despertam a atenção das crianças, além de aguçarem a curiosidade em torno do que está sendo exposto, fazendo com que elas criem um novo hábito, o de escutar as histórias e consequentemente passarem a desenvolver o seu imaginário. Por isso, é muito comum que autores utilizem em suas obras personagens cantores ou que toquem instrumentos musicais a fim de chamar a atenção dos seus leitores.

4- Brincadeiras

Na foto um dos exemplos das brincadeiras lúdicas

As brincadeiras lúdicas ajudam a conquistar a atenção das crianças, tornando-se assim uma excelente maneira de se trabalhar a literatura infantil (Foto: Sergey Niven / Shutterstock.com).

 

Inserir brinquedos e brincadeiras lúdicas também é uma forma de conquistar a atenção das crianças. Essas atividades fazem com que os primeiros contatos com a leitura sejam prazerosos e cheios de diversão, o que fará com que esse laço entre a criança e os livros se torne cada vez mais forte.

 

5- Gibis

A inserção das revistinhas ajuda a trabalhar a literatura infantil (Foto: freepik)

A inserção das revistinhas ajuda a trabalhar a literatura infantil (Foto: freepik)

A inserção das revistinhas ajuda a trabalhar a literatura infantil (Foto: freepik)

Indique gibis para as crianças! A inserção das revistinhas contribui e muito na formação dos pequenos leitores, porque estimula a criatividade, a socialização e contribui também para o aprendizado do português e da interpretação de texto. Os gibis por terem diálogos curtos se tornam mais fáceis de serem assimilados.  

 

Leia mais: 10 livros infantis que não podem faltar na estante.

Assine nossa lista de e-mail e fique por dentro dos eventos e novidades ;)