10 livros infantis que não podem faltar na estante

A literatura tem inúmeros clássicos que marcaram épocas e gerações. Confira alguns livros infantis que são leituras obrigatórias durante a infância.

Publicado no dia 1 de dezembro de 2017

Quando você revive sua infância, quais os principais elementos que lhe vem à cabeça? Com certeza, entre os itens da sua seleção, deve ter alguns livros que o fizeram desenhar o caminho entre a imaginação e o universo das palavras. A literatura infantil reserva inúmeros clássicos, em suas várias versões, que marcaram épocas e gerações, e que até hoje são consideradas leituras obrigatórias para as crianças. Para te ajudar a montar uma estante cheia de obras primas, o blog Planeta Pequeno Príncipe listou 10 livros infantis que não podem faltar na sua biblioteca. Confira:

 

O Pequeno Príncipe rompe gerações com pensamentos sobre amizade e otimismo. Foto: Divulgação

1. Pequeno Príncipe

Para começar a lista, a primeira sugestão não poderia ser outra. Com uma enredo que encanta crianças e adultos, O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint – Exupéry, narra a história de um piloto que, por conta de uma pane no avião, precisa pousar no deserto do Saara, na África. Lá, o aviador conhece um menino de cabelo cor de trigo e roupas estranhas, e descobre que aquele rapazinho havia percorrido longas distâncias à procura de aventuras e descobertas que lhe ensine algo sobre a vida.

O Pequeno Príncipe é o terceiro livro mais vendido do mundo e tem um dos personagens mais famosos de todos os tempos. Chama atenção pela maneira como conduz mensagens de otimismo, simplicidade e amor ao planeta, com pensamentos que são considerados inspiradores até hoje.

 

 

O Patinho Feio defende o respeito as diferenças. Foto: Divulgação

2. O patinho feio

O Patinho Feio, do escritor Hans Christian Andersen, levanta um questionamento bastante atual: aceitar as diferenças e entender que a maior beleza está na alma. O conto relata a história de um filhote de cisne que, por engano, é chocado em um ninho de patos. Ao nascer, o animalzinho é perseguido e maltratado pelos outros bichos por não ser igual aos irmãos.

Cansado de humilhação, o patinho foge. Porém, durante a jornada, continua encontrando quem o maltratasse. Depois de sofrer com um outono solitário e um inverno rigoroso, em um belo dia ele encontra um grupo de belas aves. Mesmo com medo de ser machucado, as seguiu. No entanto, junto a elas percebeu que não era mais aquela criatura desajeitada e feia que todos falavam. O patinho feio havia se tornando um grande e majestoso cisne.

 

 

A coletânea dos irmãos Grimm são umas das mais famosas dentro no universo infantil. Foto: Divulgação

3. Contos de Grimm

A coletânea de contos de fadas escrita pelos irmãos Jacob e Wilhelm Grimm são consideradas os livros infantis mais famosos do mundo. Você, com certeza, já deve ter ouvido falar sobre a história de Branca de Neve, Cinderela, O Pequeno Polegar e João e Maria.

Com várias versões, as obras sempre trazem um final feliz, mas sem deixar que o leitor termine sem uma boa reflexão sobre respeito, amor, amizade e conquistas.

 

 

 

Perrault traz as mais famosas histórias de contos de fadas. Foto: Divulgação

4. Contos de Perrault

Na sequência de contos, as obras criadas por Charles Perrault também entram para a lista. Entre inúmeros livros infantis, Chapeuzinho Vermelho, O Gato de Botas e A Bela Adormecida. O título leva o leitor a se envolver na magia e nos ensinamentos por trás do enredo de cada história. A obra, junto as criações dos irmãos Grimm, marcam a literatura infantil com contos de fadas.

 

 

 

 

 

O Menino Maluquinho retrata a infância feliz de uma menino serelepe. Foto: Divulgação

5. O Menino Maluquinho

“Era uma vez um menino que tinha o olho maior que a barriga, fogo no rabo e vento nos pés.” Um dos clássicos da literatura infantil brasileira, O Menino Maluquinho, do cartunista Ziraldo, é o espelho de uma infância feliz e cheia de aventuras. O autor atrai o universo infantil através dos vários cartoons e narrativas bem-humoradas dessa história.

Maluquinho, como era chamado pelos familiares e amigos, gostava de viajar pelo mundo através de suas histórias e transformava o triste em alegre. Com a mania de usar uma panela na cabeça, o menino se diverte junto com outros personagens: Bocão, Junin, Lúcio, Carol, Julieta e Nina.

 

 

A Reinações de Narizinho é um dos livros infantis considerados clássicos da literatura brasileira. Foto: Divulgação

6. As Reinações de Narizinho

Dentre os livros infantis brasileiros, As Reinações de Narizinho é daquelas obras que leva a criança a um mundo lotado de aventuras e seres inanimados. Escrito por Monteiro Lobato, a obra, que serve de propulsor à série Sítio do Picapau Amarelo, possui algumas histórias originais e combinações utilizando contos e personagens já conhecidos.

Há personagens fixos como Emília, a boneca de pano que fala, a bondosa Tia Nastácia, os primos Pedrinho e Narizinho e avó Dona Benta, Rabicó, o porquinho, e o Visconde de Sabugosa, o sábio sabugo de milho. Mas, no desenrolar do livro o leitor conhece personalidades como o Príncipe Escamado, Doutor Caramujo e Miss Sardine. A leitura faz parte da vida de uma geração de crianças que hoje, já adultos, não podem deixar de ler para seus filhos.

 

 

O Mágico de Oz é um dos livros que visita o enredo do Planeta Pequeno Príncipe. Foto: Divulgação

7. Mágico de Oz

Quem se envolveu com a narrativa do Planeta Pequeno Príncipe, teve a surpresa de encontrar o mágico de Oz entre as jornadas do personagem. O livro, escrito por L. Frank Baum, entra na lista de leituras indispensáveis. A obra conta a história de Dorothy Gale, uma órfã que vive em Kansas com seus tios e um cachorro. Após um ciclone, a menina e o cãozinho são levados pelos ares para a terra de Oz.

Para retornar ao lar, a dupla precisa encontrar o poderoso mágico na cidade das Esmeraldas. No caminho, encontram outros companheiros: um Espantalho que quer ter um cérebro, um Homem de Lata que anseia por um coração e um Leão covarde que precisa de coragem, além de uma bruxa que vai aprontar bastante com o grupo.

 

 

Alice no País das Maravilhas conta a história de menina que descobre um mundo paralelo. Foto: Divulgação

8. Alice no País das Maravilhas

O volume II da coleção do Planeta Pequeno Príncipe narra a trajetória do principezinho no Planeta das Maravilhas, terra onde se passa a obra escrita por Lewis Carroll. Alice no País das Maravilhas conta a história de Alice que, ao seguir o coelho branco, se depara com uma porta que dá acesso a um outro mundo onde habitam os animais podem falar. Naquele lugar imaginário, ela vive verdadeiras aventuras.

Com frases que impactam, é um daqueles livros infantis que abordam questões existenciais no intuito de levar o leitor a desbravar sua identidade e refletir sobre sonhos, felicidade e amizade.

 

 

 

 

Clássico nacional, Ou Isto Ou Aquilo trata a importância das decisões. Foto: Divulgação

9. Ou Isto ou Aquilo

Quem nunca se viu diante de duas opções e da necessidade de escolher apenas uma? Ou Isto ou Aquilo, de Cecília Meireles, mostra que a vida é feita de decisões e que estas muitas vezes são difíceis de tomar.

O poema estimula na criança a dinâmica de sempre lembrar que para optar por isto, é preciso automaticamente excluir aquilo, afinal “ou se calça a luva e não se põe o anel”. A obra traz expressões próximas do mundo infantil e apresenta efeitos estéticos lúdicos e criativos.

 

 

 

 

Baseado na história bíblica, A Arca de Noé narra a trajetória dos animais na terra. Foto: Divulgação

10. A Arca Noé

Para estimular entre as crianças o hábito da leitura de poemas, entra para a lista de livros infantis A Arca de Noé, de Vinicius de Moraes. O título é um conjunto de 32 poemas que falam sobre os animais que, após uma longa temporada dentro uma arca, saem para povoar a terra. A obra é baseada na passagem bíblica em que casais de animais são salvos por Noé após um dilúvio.

O livro traz histórias curtas sobre a trajetória de cada personagem desbravando seu novo habitat e repovoando a terra, além do desenvolvimento de cada elemento natural nesse processo. Nos poemas, são valorizados tanto os bichinhos grandes e fortes, como o leão, quanto os pequenos, como a pulga.

Assine nossa lista de e-mail e fique por dentro dos eventos e novidades ;)